23/06/2022

Como o uso de painel solar residencial atua na redução da conta de luz

por seomarketing

Na busca por alternativas para economizar nas despesas domiciliares, você já pode ter se deparado com a opção de instalar um painel solar residencial a fim de reduzir os custos com a conta de luz. 

Embora seja considerada uma solução que requer alto investimento, optar pelo uso de energia solar, mesmo em imóveis residenciais, tem sido uma das saídas encontradas para poupar dinheiro a longo prazo. 

Isso porque, esse tipo de sistema além de apresentar benefícios para o planeta, uma vez que se trata do uso de fonte renovável e limpa de energia, pode significar uma economia de até 95% na conta de luz. 

Ainda que o valor investido seja considerado alto, as vantagens a longo prazo, quando colocadas na ponta do lápis, são bem maiores, como você poderá descobrir no conteúdo de hoje. Acompanhe!

 

Como funciona o sistema de energia solar

Antes de conhecer as vantagens de ter um sistema de energia solar, é preciso compreender como de fato ele funciona. 

Em primeiro lugar, deve-se saber que para ser completo, um sistema possui os seguintes equipamentos: 

 

  • Placas ou módulos fotovoltaicos;
  • Inversores solares;
  • Cabos de transmissão de energia.

 

Em linhas gerais, as placas captam a luz do sol e a transformam em energia com a ajuda dos inversores, que por sua vez, fazem o trabalho de convertê-la em energia elétrica. Tudo acontece graças ao efeito fotovoltaico.

É importante mencionar que para este processo, existem uma série de variações, tanto no que diz respeito aos equipamentos - inversores on grid, off grid e híbridos, por exemplo -, quanto no que diz respeito ao sistema como um todo. 

Para saber qual a melhor opção para sua residência, é preciso contar com o auxílio de um especialista no assunto para que ele possa realizar os cálculos e identificar o modelo mais recomendado de acordo com as necessidades da sua residência.

 

Quais as vantagens de instalar um painel solar na sua residência?

Agora que você já entende como funciona, é importante saber quais são os benefícios de optar pelo sistema de energia solar na sua residência. 

A principal vantagem, sem dúvidas, está relacionada ao fato de que você poderá economizar expressivamente, tanto no que diz respeito à conta de energia elétrica, quanto no quesito de manutenção. 

Isso porque, trata-se do uso de uma fonte inesgotável e gratuita de energia - a luz solar -, além de serem equipamentos de vida útil longa, com necessidade mínima de manutenção e baixo custo para manter. 

Ainda no quesito financeiro, a instalação de um painel solar residencial significa em valorização expressiva do imóvel, levando em conta que o futuro proprietário herdará os benefícios acima mencionados. 

Sendo o sistema de autogeração mais barato do mercado, o uso de energia solar ainda contribui positivamente com o meio ambiente, sendo uma alternativa para reduzir a emissão de poluentes na atmosfera.

Sustentável, renovável e ecologicamente correta, essa solução ainda favorece imóveis localizados em regiões de difícil acesso, em que a rede elétrica é inexistente ou ineficiente.

 

Quem usa energia solar paga conta de luz?

Conforme explicamos anteriormente, existem diferentes sistemas de energia solar e cada um deles funciona de uma forma. No caso dos modelos on grid - conectados a rede de energia elétrica - ainda é necessário pagar a conta de luz. 

No entanto, a conta é diferente das casas que não possuem o recurso:

 

  • Subclasse de consumo: residências que usam as placas fotovoltaicas são marcadas como “residencial geração distribuída”;
  • Valor de taxa mínima: preço diferenciado para usuários do sistema alternativo;
  • Dados de produção de energia: na conta de luz, há uma discriminação dos dados de produção pelo sistema solar em kWh; se forem positivos, o usuário não precisará pagar pelos kWh e a diferença vai para um saldo acumulado;
  • Saldo acumulado: valor positivo de kWh não-descontados que o consumidor tem à disposição;
  • Dados de consumo: quantidade de  kWh gerados que foram “descontados” do consumo mensal.

 

Em linhas gerais, se o seu sistema gerar mais energia solar e o consumo for positivo, você terá apenas de pagar a taxa mínima de consumo estipulada pelas distribuidoras de energia para a taxa de iluminação pública local e disponibilidade da rede.

 

O que são e como usar os créditos energéticos?

Regulamentados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), os créditos energéticos funcionam como um sistema de compensação da energia elétrica e se baseiam na injeção da energia ativa na rede. 

Para cada kWh gerado em excesso pelo sistema fotovoltaico, a distribuidora local deverá disponibilizar ao consumidor 1 crédito de kWh. Esses créditos poderão ser usados dentro de um período de 60 meses, resultando em ainda mais economia para o seu bolso.

Faça sua Simulação e encontre o melhor instalador para você!
© Copyright 2021 - Market Solar - All Rights Reserved
Termos e condições de uso