05/04/2022

Instalação de sistema de energia solar residencial é vantajoso?

por seomarketing

Devido a crise hidraúlica e elétrica que estamos passando nos últimos meses, é possível que a ideia de investir em uma energia solar residencial tenha surgido na sua mente.

Fato é que esse tipo de energia fornece não somente um bom retorno financeiro, uma vez que se é economizado uma porcentagem alta de valores.

Mas além disso, o que poderia ser mais vantajoso em adquirir esse tipo de fonte de energia para a sua residência?

Pensando nisso, hoje vamos conversar um pouco mais sobre a energia solar, como ela se faz vantajosa e se ela realmente é feita para o seu tipo de imóvel. Vamos lá.

Mas antes: o que é energia solar?

Resumidamente, a energia solar é uma energia eletromagnética e, como o próprio nome já diz, sua principal fonte são os raios solares.

É importante ressaltar que esse tipo de energia é renovável, ou seja, possui a capacidade de serem repostas naturalmente pelo nosso meio ambiente, neste caso, o sol.

Ela tem a possibilidade de ser transformada em energia elétrica ou térmica, ou seja, pode ser aplicada para diferentes finalidades.

Contudo, as formas mais conhecidas e utilizadas, principalmente quando falamos de energia solar residencial, são: a geração de eletricidade e o aquecimento solar de água.

Como é feita a geração de energia elétrica?

É preciso que fique claro que existem dois tipos de sistema que conseguem realizar a geração de energia elétrica, sendo eles o heliotérmico e o fotovoltaico.

O que é energia heliotérmica e como é gerada?

placas de energia solar residencial em cima de telhado

A energia heliotérmica (ou energia solar concentrada), o processo fica baseado na reflexão dos raios solares, utilizando um conjunto de espelhos que muitas pessoas também costumam chamar de placas.

Como os espelhos acompanham o sol durante todo o dia, eles fazem a reflexão dos raios para um receptor de calor. 

Logo depois, essa energia de calor é transferida para um líquido, que se mantém em alta temperatura para transformar tal líquido em vapor.

A partir disso, a usina heliotérmica utiliza os mesmos processos das usinas tradicionais. Dentro dessa usina existe uma turbina que é movimentada a partir do vapor gerado e aciona um gerador que produz a energia elétrica.

Uma das maiores vantagens da energia heliotérmica é a possibilidade de guardar essa energia em forma de calor em reservatórios especiais, ou seja, é possível ter energia mesmo em dias nublados ou durante a noite.

E a energia fotovoltaica?

Já a energia fotovoltaica é aquela em que a radiação solar é transformada diretamente em energia elétrica. Isso quer dizer que esse tipo de energia não passa pela fase térmica, como vimos na energia heliotérmica.

Aqui, as células fotovoltaicas são feitas a partir de materiais semicondutores, em sua grande maioria o silício. 

Após uma dopagem no silício com fósforo e boro, esse material fica com elétrons vivos de um lado e lacunas de elétrons em outro. Quando as células dopadas ficam expostas à luz solar, os fótons, provenientes da radiação solar, impulsionam esses elétrons vivos a se movimentarem e cobrirem as lacunas do outro lado

Nessa movimentação de elétrons vivos de um lado para outro do material semicondutor, quando ligamos uma carga no sistema, esses elétrons tomam o rumo dessa carga que está puxando esse elétrons, gerando assim a energia que utilizamos.

Diferente da energia heliotérmica, o fotovoltaico não exige uma alta radiação solar para funcionar, contudo, ela se torna intermitente, já que a energia solar residencial vai depender da densidade das nuvens, que podem bloquear os raios do sol.

Outro ponto a considerar é que, neste caso, o armazenamento de energia é bem mais restrito.

Então por que investir em energia solar residencial?

Com essa apresentação você pode ter algumas dúvidas sobre os benefícios que a energia solar residencial pode trazer para o seu estilo de vida.

Mas vamos começar com um exemplo básico: o carro. Quando um carro sai da concessionária, ele já tem um sistema de depreciação de 15%.

Já um sistema de energia solar demora cerca de um ano para depreciação de 20%. Mas, além disso, um sistema de energia solar pode durar o dobro de anos do que um carro com valorização.

Um benefício que entra muito em questão é em relação aos valores. Com a instalação de uma energia solar com empresas especializadas, você pode reduzir a sua conta de luz em até 95%, por exemplo.

Também podemos destacar a valorização do imóvel, uma vez que a própria residência produz a sua energia. Neste caso, se você se interessar em lucrar com venda do imóvel, a pessoa que garantir terá vantagens futuras em questões econômicas.

Por último, mas não menos importante, temos o baixo custo de manutenção, uma vez que ela não é complexa. Apenas é necessária uma boa limpeza do sistema, que você também pode solicitar para empresas especializadas. 

Tipos de residência

Se você estiver se perguntando se existe um tipo de sistema dedicado para cada tipo de residência, a resposta será: depende.

Isso porque cada tipo de sistema de energia solar pode trazer mais benefícios para casa ou para prédios/condomínios. Vamos lhe explicar melhor a seguir.

Quando falamos da energia solar fotovoltaica, a instalação costuma trazer mais benefícios para as casas, já que é necessário uma grande área de telhado para colocar os painéis solares.

Lembrando que casas que não possuem prédios ou árvores em volta são mais beneficiadas neste quesito também, uma vez que não existe corpo para sombras durante o dia.

Em prédios, é mais comum as placas serem instaladas nas áreas comuns do condomínio, a conta de luz é reduzida consideravelmente e assim reduz o condomínio dos inquilinos 

Ficou interessado? Então acesse o site do Market Solar você consegue fazer a sua simulação de forma personalizada, descobrindo quanto custa para instalar uma solução de energia solar e também o quanto você pode economizar por ano.

Faça sua Simulação e encontre o melhor instalador para você!
© Copyright 2021 - Market Solar - All Rights Reserved
Termos e condições de uso